Vocalista do Raça Negra discute com Claudia Raia: “E se a menina, vai no órgão genital do cara?”

Compartilhe com seus amigos
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Luiz Carlos, vocalista do Raça Negra, no dia 14.09, no Programa Encontro da Fátima Bernardes, se posicionou de forma clara e correta ao falar que as meninas devem se atentar as suas roupas para não atrair pedófilos.

O mesmo ressaltou a importância de roupas adequadas para situações do dia-a-dia.

Levando em conta a impunidade que assola o País e que o estupro é um dos piores crimes que pode ser praticado contra uma pessoa, Luiz Carlos, como pai, tentou ressaltar a responsabilidade dos pais sob suas filhas, lembrando-os que devem ensinar as meninas se precaverem e protegerem.

Após esse episódio, Luiz Carlos foi atacado em todas as mídias, erroneamente acusado de “culpar a vítima” pelo estupro. Luiz Carlos se rendeu a pressão dos “politicamente corretos” e se redimiu por algo que ele não errou.

 

Agora, 07.10, no programa Altas Horas, Luiz Carlos se posicionou contra as atuais manifestações artísticas, onde envolvem zoofilia, incentivo a pedofilia e a prostituição infantil.

Falando especificamente da apresentação que ocorreu no M.A.M em São Paulo, Luiz Carlos disse: “Eu, pessoalmente, não concordo que uma instituição assim, um museu, e uma mãe, peguem um homem nu… se você olhar a anatomia não tem problema nenhum. Mas eu acho horrível o que ela fez, deixando uma criança de 4 anos de idade tocar esse corpo. Ela poderia ter ensinado. E se a menina, na inocência dela, vai no órgão genital do cara?”, causando a revolta dos artistas lá presentes como Claudia Raia, Ney Latorraca e Marcelo Serrano, onde Claudia Raia defende a autonomia dos pais para criar seus filhos.

A mesma disse: “Mas sabe o que acontece? Aí é a educação de cada um. Como é que você vai interferir e dizer que a educação dessa mãe é errada? A gente não sabe como ela foi criada. Se ela foi criada de uma maneira mais livre? Como é que alguém faz um movimento na internet dizendo que é contra? Isso virou uma palhaçada. Todo mundo se mete na vida de todo mundo” e “Ou o que aconteceu com o MAM agora, que é um absurdo, né? A mãe tava levando a criança, a mãe deixou a criança tocar. Você é responsável pelo teu filho, ou você leva ou você não leva. Tudo começa em casa”, afirmou a atriz. Ou seja, de acordo com Cláudia Raia, se uma mãe foi abusada sexualmente em sua infância e prostitui a filha pequena, a mãe esta correta.

Ou, se uma mãe oferece seus filhos em troca de recompensas, tal como manter o casamento, não tem problema também, pois uma mãe sabe o que faz.

Usando outro exemplo, uma mãe viciada em drogas, que leva seus filhos para bocas de fumo, ela não deve ser punida, já que ela escolheu educa-los assim.

 

Ainda me baseando nesse episódio do M.A.M, em um outro programa da Globo, O Encontro com Fátima Bernardes, uma senhora conhecida como Dona Regina, também se posicionou contra, causando um certo tipo de ânsia nos atores da Globo, deixando um certo mal-estar durante a exibição do programa.

Os atores Bruno Ferrari e Andreia Horta não fizeram questão de esconder a irritabilidade ao ouvir dona Regina se posicionar contra a mostra.

Dona Regina disse: “– Eu não sou contra a arte, sou contra a exposição da criança, ali, daquela forma. Eu sou contra a mãe que levou essa criança. Porque a mãe, tudo bem, ela é adulta. Mas será que aquela criança foi preparada?”.

Um vocalista de grupo de pagode e uma senhora idosa expressaram o pensamento de milhões de brasileiros que não aguentam mais essa tentativa de perverter nossas crianças e a resistência de duas pessoas tão distintas mas que foram a voz de milhões, causou uma revolta na Rede Globo, a Rede que se coloca em prol da família. “REDE GLOBO E VOCÊ. TUDO A VER”.

 

About the Author

Camila Abdo
Jornalista (MTB - 0083932/SP; Associação Brasileira de Jornalista -ABJ- 2457). Escrevo para: -oretrogrado.com.br -www.libernews.com.br e o meu blog pessoal politicaedireito.org/br

Be the first to comment on "Vocalista do Raça Negra discute com Claudia Raia: “E se a menina, vai no órgão genital do cara?”"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*