Vereador considera uso da cor preta durante luto como “racismo” e quer mudá-la para o cinza

Compartilhe com seus amigos
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Não, não é piada…..

Mudar a cor preta relacionada ao luto para cor cinza parece uma pretensão ousada do vereador Edson Sousa (PMDB), da cidade de Divinópolis, mas a seu entendimento “pode ser o começo de discussões sobre a restrição do uso de termos “preto”, “negro”, “escuro” na linguagem popular para representar situações penosas, difíceis, danosas etc.

Na visão do vereador, essas expressões, mesmo que elas não tenham conotação pejorativa, soam como resquício do período escravagista brasileiro, do sec. XIX:

— A coisa aqui ‘tá ‘preta’… não venha ‘denegrir’ (manchar de negro) a minha imagem… ‘pretejou’ pros lados da mata… — exemplifica o vereador, que protocolou o curioso projeto de lei CM 038/22017, que “dispõe sobre a cor que simboliza o Luto Oficial no Município de Divinópolis”.

Proposta

A proposta, que a reportagem teve acesso, pretende estabelecer que nas manifestações, eventos e cerimônias de luto oficial não se use mais a cor preta e, sim, a cinza.

As justificativas, que estavam em elaboração e devem seguir a proposta, trazem um estudo sobre formas de expressão do luto, a simbologia das cores na vida das pessoas – “evocadora de emoções”, como definiu Kandinsky – e a singeleza da cor cinza no luto.

— O que queremos é que iniciemos uma mudança cultural, começando pelo município de Divinópolis, dado o caráter histórico e interpretativo do uso das cores (…) O que quero é iniciar uma transformação sociocultural em nossa cidade, ao atribuir a cor cinza ao Luto Oficial e ao mesmo tempo promover o cuidado linguístico para remover as expressões racistas que a cor “preto” invariavelmente tem invocado — finaliza o vereador Edson Sousa.

Leia na integra o projeto: [Click Aqui]

Leia Também:

RACISMO: Negros que agrediram jovem branco são indiciados por crime de racismo.

“Eu suporto perder tudo, menos minha liberdade”, diz Danilo Gentili

Joaquim Barbosa. Porque você não deve votar nele.

Be the first to comment on "Vereador considera uso da cor preta durante luto como “racismo” e quer mudá-la para o cinza"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*